Sistema urinário – O que é, como funciona e curiosidades

O sistema urinário, ou aparelho urinário, é responsável pela produção, armazenamento temporário e eliminação da urina. A urina é um líquido que garante a eliminação de substâncias que estão em excesso no organismo e resíduos oriundos do metabolismo.

Além disso, tem a função de filtrar as impurezas do sangue que circula no organismo. Decerto, o nosso sistema urinário é composto por dois rins, vias urinárias que são formadas por dois ureteres, bexiga urinária e a uretra.

Os nossos tecidos, recebem do sangue as substâncias nutritivas e abandonam aqueles compostos químicos tóxicos. Tais substâncias são danosas e devem ser eliminadas para não intoxicar o organismo e pôr a vida em perigo. A maior parte desses produtos é eliminada por trabalho do aparelho urinário. Decerto, apenas uma parte mínima é eliminada pelas glândulas sudoríparas mediante o suor.

Rins

Sistema urinário - Como funciona
Rins – Fonte: Brasil escola

Os rins é responsável pela produção da urina, localizados junto à parede posterior do abdômen, abaixo do diafragma. Seu formato é parecido com um grão de feião, e são de coloração avermelhada. Os rins se ligam ao sistema urinário através da artéria renal e da veia renal, e com as vias urinárias pelos ureteres.

Quando observamos internamente, vemos que os rins possuem duas regiões bem distintas: um córtex e uma medula. O córtex está localizado mais externamente, enquanto a medula está localizada mais internamente e é visualizada como uma região mais escuras. A porção superior e expandida do ureter é denominada de pelve renal e comunica-se com a medula renal. A pelve ramifica-se em direção à medula em cálices maiores, que se ramificam em cálices menores.

As artérias renais são ramificações muito finas que formam pequenos emaranhados chamados glomérulos. Cada glomérulo é envolvido por uma estrutura arredondada, chamada cápsula glomerular.

Posteriormente, a unidade de filtragem do sangue é chamada de Néfron. Certamente, cada rim possui aproximadamente um milhão de néfrons. Este é composto pelos glomérulos, cápsula glomerular e túbulo renal. Através da pressão sanguínea, parte do plasma sai dos capilares que formam os glomérulos e cai na cápsula glomerular, indo até o túbulo renal.

Os néfrons são classificados em corticais e justamedulares. Os néfrons corticais são aqueles que apenas uma porção adentra a medula renal, enquanto os néfrons justamedulares estendem-se mais profundamente na medula.

Decerto, alguma substâncias do plasma, como água, glicose e sais minerais, atravessam a parede do túbulo renal e voltam para a corrente sanguínea. Assim, o que sobre nos túbulos é apenas água, ureia, ácido úrico e amônia, ou seja, a urina, seguindo para as vias urinárias.

Vias Urinárias

Sistema urinário - Como funciona
Fonte: Brasil escola

Inegavelmente, as vias urinárias são formadas por bexiga, ureteres e uretra.

Bexiga Urinária

A bexiga é um órgão muscular elástico, a capacidade máxima de urina na bexiga é de aproximadamente 1 litro. Decerto, é uma espécie de bolsa que tem a função de acumular a urina que chega dos ureteres, localizada na parte inferior do abdome. Portanto, a bexiga armazena temporariamente a urina e quando chega a 300ml os sensores nervosos da parede da bexigam enviam estímulos ao sistema nervoso. Assim, fazendo com que tenhamos vontade de urinar.

Na parte inferior da bexiga, encontra-se um esfíncter, músculo circular que fecha a uretra e controla a micção. Portanto, quando a bexiga está cheia o esfíncter se contrai, empurrando a urina em direção a uretra, de onde então é lançada para fora do corpo.

Ureteres

São dois tubos, cada um partindo de um dos rins, medindo aproximadamente 20 cm de comprimento cada, que conduz a urina dos rins para a bexiga.

Uretra

A uretra é um órgão que garante a eliminação da urina para o meio externo, conduzindo a urina da bexiga para fora do corpo. A uretra feminina mede cerca de 5 cm, transportando somente a urina. Já a uretra masculina mede cerca de 20 cm e transporta a urina e esperma para fora do corpo. Além disso, no homem ela pode ser dividida em três porções: prostática, membranosa e cavernosa ou peniana.

Sistema urinário masculino

Sistema urinário - Como funciona
Sistema urinário masculino – Fonte: toda matéria

Inegavelmente, o sistema urinário masculino, difere do feminino no seu tamanho da uretra, medindo 20 cm, além de que a uretra no homem é usada para transportar urina e espermatozoides para fora do corpo. Dividida em três partes: prostática, cavernosa e membranosa. Assim, a prostática passa próxima à bexiga e no interior da próstata, a membranosa possui apenas um centímetro de extensão e conecta-se com a cavernosa, que se localiza no interior do corpo cavernoso do pênis.

Sistema urinário Feminino

Sistema urinário - Como funciona
Sistema urinário feminino – Fonte: Só biologia

O canal da uretra no sistema urinário feminino é bem menor que o do masculino, medindo cerca de 5 cm. Decerto, ele se estende da bexiga ao orifício externo no vestíbulo. O canal da uretra das mulheres, por ser muito curto, facilita a ocorrência de infecções urinárias.

A formação da urina

Sistema urinário - Como funciona
Processo de formação de urina – Fonte: Brasil escola

Inegavelmente, a urina é produzida nos rins, em uma região chamada de néfrons. Primeiramente, ocorre o processo de filtração no interior do corpúsculo renal. O sangue que chega aos glomérulos está em alta pressão e o glomérulo atua como uma membrana semipermeável, garantindo que parte do plasma passe para o interior da cápsula (filtração). O filtrado formado é semelhante ao plasma sanguíneo, porém não possui proteínas.

O filtrado segue, então, para os túbulos renais, onde passa pelos processos de reabsorção e secreção. Na reabsorção, algumas substâncias são reabsorvidas para o sangue, enquanto no processo de secreção, substâncias são adicionadas ao filtrado. A reabsorção é importante, pois garante que água, íons e glicose, por exemplo, sejam reabsorvidos. A urina é resultado, portanto, dos processos de filtração glomerular, reabsorção tubular e secreção tubular.

Após passar pelo túbulo renal, a urina segue para o ducto coletor, que leva o composto até a pelve renal (porção superior do ureter), saindo do rim, portanto, via ureter. Como dito anteriormente, do ureter, a urina segue até a bexiga, onde é armazenada e depois eliminada pela uretra.

Doenças do sistema urinário

Decerto, muitas doenças estão associadas ao sistema urinário seja nos rins ou nas vias urinárias.

Doenças renais

Nefrite

A nefrite é uma doença do sistema urinário que causa a infecção dos néfrons pode ser causada por diversos fatores. Como por exemplo, a superdosagem de medicamentos e a presença no organismo de algumas substâncias tóxicas, como o mercúrio. Podendo levar

Hipertensão arterial e problemas renais

Quando os rins não funcionam de modo eficiente, os sais e a água em excesso se acumulam no sangue, provocando aumento da pressão arterial. Quando uma pessoa é hipertensa, ocorre um mal funcionamento dos rins, o que causa a deficiência do processo de filtragem renal. Consequentemente pode ocorrer o desenvolvimento de doenças renais.

Infecções Bacterianas

Muitas bactéria podem penetrar no sistema urinário por meio da uretra causando infecção bacteriana. Por exemplo, a bactéria Escherichia coli.

Doenças nas Vias Urinárias

Cálculos Renais

Mais conhecida como ”Perda nos Rins”, os cálculos ficam alojadas rins, nos ureteres ou na bexiga. Os cálcios são formados quando ocorre a alta concentração de cálcio ou outros sais nos líquidos do organismo (no caso a urina).

Cistite

A cistite é uma infecção ou inflamação da bexiga urinária. Decerto, ela causa ardência na uretra no ato de urinar e por não conseguir reter a urina, libera em pouca quantidade.

Uretite

A Uretite é uma infecção na uretra desenvolvida por bactérias que ocorre normalmente junto com a cistite.

Diferenças sistema urinário masculino e feminino

Sistema urinário - Como funciona
Diferenças entre o sistema urinário masculino e feminino – Fonte: Anatomia papel e caneta

O sistema urinário masculino e feminino apresenta os mesmos órgãos.Entretanto, algumas diferenças podem ser observadas.

  • A bexiga está localizada em frente ao reto. Nos homens, essa se separa do reto pelas vesículas seminais, enquanto na mulher, observa-se a presença da vagina e útero.
  • A uretra no homem apresenta outra função além de garantir a eliminação da urina. Nesse sexo, a uretra dá passagem também ao sêmen durante a ejaculação. No sexo feminino, por sua vez, a uretra é considerada um órgão exclusivo do sistema urinário.
  • A uretra masculina é maior que a uretra feminina. Enquanto a uretra masculina possui cerca de 20 cm, a feminina apresenta apenas 4 cm.

Curiosidades

  • O rim direito é ligeiramente mais baixo do que o rim esquerdo devido à presença do fígado.
  • Os rins recebem cerca de 1,2 litros de sangue por minuto.
  • Em média, um indivíduo elimina entre 1000 e 1500 ml de urina por dia.
  • A presença de glicose na urina pode ser um sinal de diabetes.
  • A proximidade da uretra feminina com o ânus favorece o surgimento de infecção urinária.
  • A capacidade média da bexiga é de 700 a 800 ml.
  • O câncer de bexiga é o câncer mais comum do trato urinário. Sangue na urina, dor ao urinar, vontade de urinar, mas sem conseguir realizar a micção são alguns dos sinais que merecem atenção.
  • A hemodiálise é um procedimento em que uma máquina é utilizada para limpar e filtrar o sangue, atuando como um rim artificial.
  • Em 2017, o Brasil realizou 5948 transplantes de rim.
Leave a Comment