Floresta negra – O cenário de famosos contos de fadas é real

Aposto que todos conhecem as famosas histórias infantis Branca de Neve, Cinderela, Chapeuzinho Vermelho, João e Maria e Bela Adormecida. Porém vocês sabem o que elas tem em comum? Seus autores, os irmãos Grimm usaram a famosa floresta negra como cenário de todas elas.

Localizada na Alemanha, mais precisamente no estado de Baden-Wurttemberg, a floresta negra ou Schwarzwald é uma cadeia montanhosa. Ela também possui uma densa vegetação de baixa altitude ao sudoeste. Assim como ganhou fama como terra dos relógios cuco, torta de chocolate, cereja e chantilly, por servir de cenário para contos de fadas.

Seu nome, floresta negra ou como os romanos a chamavam, “silva negra” é devido a sua vegetação. Constituída em sua maioria de pinheiros, assim possuindo muitos galhos e folhas, a incidência de luz na floresta é muito baixo. Desta forma ela torna-se bastante escura, bem como dizem que a seiva dos pinheiros mata qualquer tipo de árvore.

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Best Wallpaper

Conhecendo a região da floresta negra

A região tinha como principal fonte de renda a produção de relógios de madeira. Contudo a tempos ela foi substituída pelo turismo, se tornando uma das principais atividades econômicas do local. Devido a isso somente no primeiro semestre de 2018 a região da floresta negra recebeu cerca de 1,5 milhão de visitantes.

Desta forma existem muitas maneiras e rotas de conhecer essa curiosa paisagem alemã. Assim, a região pode ser dividida em três áreas, sendo elas norte, centro e sul – Nordschwarzwald, Mittlere Schwarzwald e Sudschwarzwald. Asim como é possível explorar a região de trem ou ônibus.

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Coisa de Alemão

Porém a melhor opção ainda é de carro, possibilitando maior interação e aproveitamento da região. Bem como ele pode ser alugado, em exemplo na cidade Freiburg. E para quem quer começar o passeio de uma bela forma, o museu Vogtsbauernhof ao ar livre é uma excelente escolha. Nele você poderá conhecer “ao vivo” a história de toda a região.

Rota B 500

Ao norte temos uma das principais entradas da floresta negra, a cidade de Baden-Baden. Famosa por sua águas termais e rejuvenescedoras, seu nome baden, significa banho em alemão. Assim como possui cassinos, museus e a elegante alameda Lichtentaler Allee, sendo um grande símbolo aristocrata europeu.

Os primeiros 60km da estrada B 500, conhecida como Schwarzwaldhochstrasse bem como forma o trecho chamado rota panorâmica, interliga Baden-Baden à cidade de Freudenstadt. Ela atravessa a floresta de norte a sul, numa altitude de 600 mil metros, tendo o pico Hornisgrinde e o idílico lago Mummelsee como paisagens.

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Lago Mummelsee – Viajar Barato Agora

Seu segundo trecho localizado mais ao sul, passa por Triberg, Furtwangen até Waldshut, fronteira com a Suíça. Essas cidades são conhecidas por suas cascatas e relógios. Porém, pra quem quer ficar somente no âmbito da floresta negra basta apenas retornar a Freudenstadt, por suas belas estradas com vilarejos campestres. Bem como vale a pena conhecer a famosa cidade do ouro, Pforzheim, que por muito tempo foi o centro da industria ourivesaria Alemã.

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Freudenstadt – Kudoybook

Rota Alemã dos relógios

A rota Alemã dos relógios, ou Deutsche Uhrenstrasse passa por cidades como Triberg ou Furtwangen, que possuem as cascatas mais altas da Alemanha. Bem como você poderá encontrar o Museu Alemão do Relógio, que com mais de 150 anos conta aos visitantes a história de produção de relógios do século 18 e 20.

Do mesmo modo você poderá observar o maior relógio cuco do mundo, no parque de relógios Eble Uhrenpark. Assim essa região compreende uma área de cerca de 20 quilômetros de extensão. Bem como muita das suas cidades possuem o sufixo “ach” ou “bach”, que significa riacho ou córrego.

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Abraços Dourados

Motivos para visitar a região da Floresta Negra

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
PERFECTTRIP

A Floresta Negra pode ser visitada o ano todo, assim como a temperatura varia de acordo com a altitude. Além de que cada estação do ano possui suas individualidades, sendo os meses mais quentes julho e agosto. Desta forma no verão as temperaturas ultrapassam os 25°C durante o dia, porém no pico mais alto ela chega à apenas 12°C.

No outono, nos meses de setembro e outubro o colorido das árvores de folhas caducas entre os pinheiros escuros produz uma bela paisagem. Sendo também o período da colheira e festa das uvas. Já no inverno os picos mais altos atingem -2°C, bem como sempre neva, trazendo assim uma bela magia natalina. Na primavera as flores desabrocham nos dando uma bela paisagem colorida.

Portanto, de fato a floresta negra possui belas paisagens que valem a pena conferir, assim como possui uma bela história. Por isso trazemos cinco motivos para você visitar a região:

Freiburg

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Catedral de Freiburg – Vamos para onde o vento nos levar.

Freiburg é considerada a capital da floresta negra, e um dos lugares mais visitados da região. Assim como é lar da Catedral de Freiburg, a toscana Alemã. A área também possui maravilhosas trilhas de ambientes calmos, em Schossberg, com uma vista da floresta do topo.

Do mesmo modo, Freiburg possui uma famosa feira, localizada em Münsterplatz, além do centro histórico com trânsito totalmente voltado para pedestres. E por mais que a cidade seja considerada uma das mais quentes do país as temperaturas giram em torno de -1°C a 25°C.

Rota dos relógios

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Guidigo

Como já falado, um das principais atividades econômicas da região era a dos relógios de madeira. Assim a rota do relógio possui cerca de 320 km de extensão, onde é possível ver toda a paixão dos alemães pelos cucos. A região também guarda o Museu do Relógio Alemão, em Schramberg, bem como o maior relógio cuco do mundo.

Esportes de inverno

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Oficina de Inverno

Por possuir um inverno intenso a Alemanha explora bastante os esportes de inverno. Em destaque temos o monte Feldberg, que possui cerca de 50 km de pista para esqui, além de trilhas  de cross-country.

Euro Park

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Time Travel Turtle

O segundo maior parque da Europa, bem como o maior da Alemanha, está localizado na floresta negra. Sendo o segundo destino mais popular do país em 2018, ele possui mais de 100 brinquedos, bem como 17 áreas temáticas, cinco hotéis, camping e cinema.

O parque se chama Europa Park e está localizado na cidade de Rust, e foi inaugurado em 1975, além de ter capacidade de 50 mil visitantes por dia. Assim milhões de pessoas visitam o local todo ano.

Cenário de contos de fadas

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Magic Way

Não é atoa que o local é cenário de vários contos de fadas famosos como João e Maria, Bela Adormecida, Cinderela dentre outros. Então, porque não usar a região para a sua história encantada? A exemplo temos o grande castelo de Neuschwanstein, sendo um ponto turístico muito visitado. Assim como a cidade Forbach, com suas casinhas de bonecas e relógios cucos que lembra muito  as cidades fantasiosas e delicada dos contos de fadas.

Lendas e tradições

Irmãos Grimm

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
National Geographic

Os famosos escritores alemães são autores das famosas histórias infantis como Cinderela, Bela Adormecida e Branca de Neve. Bem como se inspiraram no clima místico da floresta negra como cenário dos seus contos. Assim ganharam o imaginário do povo alemão, além de serem transformadas em desenhos infantis, mais tarde pela Disney.

Contudo poucas sabem que antes dos irmãos Grimm os contos eram tenebrosos. As irmãs da Cinderela cortaram os pés para caberem no sapatinho. João e Maria haviam sido abandonadas pelos pais na floresta, além da história da Branca de Neve, onde um lobo mal come a vovozinha.

Relógio Cuco

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Pinterest

O relógio cuco, sendo um dos mais conhecidos do mundo está ligado a lendas locais, sendo duas delas mais conhecidas. A primeira dizia que a origem do modelo surgiu após o encontro de dois vendedores de Furtwangen, na região da floresta negra. A outra versão dizia que um artesão, chamado Franz Anton teria construído o relógio de madeira com um pássaro em movimento.

Desta forma a região possui um grande tradição em relógios, bem como o Museu dos Relógios. Seu acervo é rico em peças e possui mais de 8 mil marcadores.

Torta Floresta Negra

Conheça a floresta negra, cenário dos mais famosos contos de fadas
Sweet Cake

Assim como os contos de fadas, o bolo floreta negra ganhou fama no mundo todo, assim como existem diferentes versões de sua origem. A mais famosa delas diz que os trajes tradicionais das camponesas serviram de inspiração para os ingredientes. Assim sendo o chocolate os vestidos pretos, o creme a blusas brancas e as cerejas ao chapéus de bolas vermelhas, chamados de bollenhut.

Existe também outro relato de que um confeiteiro alemão teria se inspirado na floresta. Assim o chocolate seria os galhos e cascas da árvores, a cereja o licor krish e o chantilly a neve que cai durante o inverno. Bem como o doce era originalmente regado por uma aguardente de cereja, bebida comum aos lenhadores locais.

Leave a Comment