Brasil: A história da música sertaneja

Música raiz, música caipira, romântica ou universitária, são muitas as designações do que conhecemos como música sertaneja. Certamente ela é um dos gêneros musicais mais famosos do Brasil. Ela também é conhecida no mundo. Além disso, é considerada o estilo mais eclético que existe.

Diante disso a música sertaneja engloba vários ritmos em suas canções, principalmente se observarmos a sua evolução e fases. Assim ele vai desde o caipira, com a viola, acordeão e gaita até o estilo mais atual, o sertanejo universitário. Bem como também é um gênero 100% brasileiro que faz sucesso até fora do país.

Desta forma a música sertaneja conquistou bem como vem conquistando muito adeptos a cada fase. Além de ser conhecida pelo mundo a fora, e assim leva a história do nosso país parar outras culturas. Sem falar que tem para todos os gostos, desde os sertanejos mais tradicionais e mais românticos aos mais baladeiros e até a querida sofrência.

Música sertaneja - história, evolução e nomes de sucesso
Papo Sertanejo

Mas o que compreendemos como sertanejo?

Provavelmente, se formos pensar no significado gramatical da palavra sertanejo se refere diretamente com localidades. Ou seja, características de pessoas bem como de áreas que estão localizadas longe das áreas urbanas, ou cidades. Do mesmo modo que outros também afirmam que o termo se refere a cultura e hábitos nordestinos, o que chamamos de sertão.

Porém com o passar dos anos o termo sertanejo começou a ser relacionado aos hábitos e costumes das culturas do interior. Principalmente dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Paraná. Assim, dentro tais hábitos estava a música, que assim se tornou a referência mais popular atualmente.

História da música sertaneja

Música sertaneja - história, evolução e nomes de sucesso
SMetal

Primeiramente, a música sertaneja tem suas origens nas modas de viola, instrumento esse que chegou ao Brasil juntamente com os primeiros colonizadores. Desta forma as pessoas se reuniam para contar histórias, comer e beber.

Além disso, os jesuítas já o utilizavam para catequizar os índios além das festas religiosas populares.

Acima de tudo, em 1929 um pesquisador e compositor chamado Cornélio Pires decidiu então espalhar os costumes caipiras em forma de música. Assim ele passou pelo interior paulista, bem como pelo norte e oeste paranaense, sul, triangulo mineiro, sudeste goiano dentre outras localidades.

Música sertaneja - história, evolução e nomes de sucesso
Cornélio Pires – Jornal Cruzeiro do Sul

E assim, com o dinheiro do próprio bolso Cornélio começou a espalhar o que conhecemos hoje de sertanejo raiz, ou caipira. Ele também gravou o seu primeiro disco que se esgotou nas lojas logo após o lançamento. Acima de tudo, suas letras tratavam sobre a beleza bucólica e romântica da paisagem assim como do modo de vida do homem do interior.

Porém, com o passar dos anos a música sertaneja sofreu várias influências, e foi se modificando ao longo dos anos. Portanto para entendermos melhor este gênero precisamos estudar as suas fases.

Por fim, são elas: caipira ou sertanejo de raiz, romântica, o próprio sertanejo e o sertanejo universitário.

Caipira

Música sertaneja - história, evolução e nomes de sucesso
Tonico e Tinoco – Youtube

Inicialmente, a primeira fase da música sertaneja se caracteriza pela música caipira. Ela utilizada a viola caipira, gaita e também instrumentos regionais. Assim, os seus temas englobavam um Brasil rural assim como a vida do homem caipira e a beleza das paisagens. Ou seja, basicamente a vida do sertanejo.

Além disso, Cornélio Pires foi o pioneiro do gênero, que iniciou a sua carreira viajando por vários estados brasileiros levando a música sertaneja caipira, em 1929. Também, no mesmo ano foi realizada a primeira gravação do tema “Jorginho do Sertão” pela dupla Mariano & Caçula.

Por fim, a partir disso o gênero continuou crescendo, e com o surgimento do rádio ele se expandiu por todo o Brasil. Diante disso grandes nomes foram criados como Tonico e Tinoco, Vieira e Vieirinha e Alvarenga e Ranchinho. Contudo o termo caipira era visto como algo negativo durante os anos 20 e 30, e assim representava o rural, algo que a industrialização queria superar.

Romântico

Música sertaneja - história, evolução e nomes de sucesso
Milionário e José Rico – Diário dos Campos

Certamente, nesta segunda fase, a música sertaneja começou a ter traços mais românticos bem como começou a ficar mais parecida com o que conhecemos hoje como sertanejo. Além disso, neste momento o sertanejo passou a sofrer influências de gêneros estrangeiros bem como gerou mudanças.

Desta forma o estilo começou a evoluir com a introdução de elementos harmônicos da guarânia, polca paraguaia e o mariachi mexicano. Além dos instrumentos que compõem outros ritmos como a harpa e o acordeão.

Por fim, os nomes mais conhecidos desta faze são as Irmãs Galvão, Palmeira e Bia, Irmãs Castro bem como os famosos Milionário e José Rico.

O sertanejo – como é conhecido atualmente

Música sertaneja - história, evolução e nomes de sucesso
Chitãozinho e Xororó – Maringá Post

Nesta fase encontramos mais o que conhecemos hoje como sertanejo assim como foi marcado pela introdução da Guitarra Elétrica. Desta forma a música sertaneja se tornou mais jovem, porém permaneceu com traços românticos além das releituras de sucessos em inglês.

Desta forma bases de orquestras bem como o rock foram incorporadas ao estilo assim o deixando mais empolgante. Além da alternação de solos e duetos com canções em ritmos de balada que falavam sobre o amor. E dentre os nomes mais famosos pela popularização desta fase foi Sergio Reis, que migrou da Jovem Guarda.

Outros nomes que se destacam são:

  • Chitãozinho e Xororó
  • Leandro e Leonardo
  • Zezé Di Camargo & Luciano
  • Christian & Ralf
  • Trio Parada Dura
  • Chico Rei & Paraná
  • João Mineiro & Marciano
  • Gian & Giovani
  • Rick & Renner
  • Roberta Miranda

Já as músicas de maior sucesso foram:

  • Fio de Cabelo
  • Pense em mim
  • Entre tapas e beijos
  • Evidências

Sertanejo Universitário

Música sertaneja - história, evolução e nomes de sucesso
Luan Santana – Meridional FM

Com a crescente popularização da música sertaneja o ritmo ganhou novos moldes e alcançou os jovens universitários. Como resultado ele foi chamado de sertanejo universitário, ou basicamente o sertanejo do século XXI. Portanto passou a ter temáticas e ritmos mais alegres, festa e situações engraçadas.

O sertanejo universitário também começou a usar mais de instrumentos eletrônicos em suas composições, assim trazendo uma nova roupagem e estilo. Além das estéticas do country americano. Bem como começou a ser cantado não só por duplas, mas também por solos. Sem falar da entrada assim como da grande representatividade feminina no estilo.

Leave a Comment