Bolsonaro vs Moro: STF decide sobre depoimento na quinta

  • Home
  • Brasil
  • Bolsonaro vs Moro: STF decide sobre depoimento na quinta

A pedido do ministro Celso de Mello, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, colocou na pauta de julgamentos desta quinta-feira o recurso da AGU no inquérito que apura suposta interferência de Jair Bolsonaro na Polícia Federal — apontada pelo ex-ministro Sergio Moro.

O recurso será analisado pelo plenário telepresencial da Corte, e foi liberado para julgamentos nesta segunda-feira pelo decano, que também prorrogou por mais 30 dias as investigações conduzidas pela PF.

A AGU pede para que Bolsonaro — ao contrário do que decidiu Celso de Mello — preste depoimento por escrito, e não presencialmente. O decano, que é o relator do inquérito, havia decidido que Bolsonaro não poderia prestar depoimento por escrito porque, no caso, ele tem “condição de investigado”. 

Agora, todos os ministros do STF irão se manifestar sobre o pedido. O caso seria julgado no plenário virtual a partir da última sexta-feira, mas foi retirado de pauta por decisão do decano. Ao menos outra posição, além da de Celso de Mello, é conhecida: a do ministro Marco Aurélio Mello, que chegou a antecipar seu voto favorável ao depoimento escrito.

Leave a Comment