Biosfera, o que é? Definição, principais características e divisões

O mundo é repleto de animais, plantas, água, ou seja, vida. Assim, biosfera está relacionada ao espaço onde há existência de vida no Planeta. Derivada do grego bíos que significa vida e sfaira, esfera, a biosfera é nada mais que a esfera da vida.

Como sinônimo, alguns estudiosos também utilizam o termo ecosfera para se referir à biosfera. Assim, ambas as determinações se referem ao espaço onde os seres vivos compartilham a vida. Além disso, o termo ecosfera também pode ser utilizado para se referir à relação entre os seres vivos e os não vivos.

Dessa forma, a biosfera é composta por mecanismos responsáveis por manter a vida na Terra. São características ambientais que se entendem por, aproximadamente, 19 km de espessura. Nesse sentido, está relacionada à qualquer ambiente onde possa haver vida, desde o fundo dos oceanos até grandes altitudes.

Características da biosfera

Uma das principais características da biosfera é fornecer meios de sobrevivência para os seres vivos. Assim, é uma camada da Terra onde estão agrupados todos os tipos de vidas terrestres, área e aquática.

Biosfera, o que é? Definição, principais características e divisões
A biosfera aquática, também chamada de Talassociclo . Fonte: Vida nos oceanos

Dentre as camadas da Terra, a biosfera é complementada por outras camadas que se relacionam entre si. Portanto, a Terra é dividia em mais três camadas sendo a litosfera, a hidrosfera e a atmosfera.

Nesse sentido, a litosfera engloba a parte sólida do Planeta, ou seja, o solo e as rochas. Já a hidrosfera está relacionada com a camada líquida sendo representada pelos lagos, rios e os oceanos. Por fim, a atmosfera representa a parte gasosa do Planeta.

Divisão

Como a biosfera se caracteriza pelo conjunto de todos os ecossistemas do Planeta ela pode ser dividida em categorias chamadas de biociclos. Nesse sentido, os biociclos são formados por biomas apresentando diferentes características.

Biosfera, o que é? Definição, principais características e divisões
As savanas são um dos biomas que existem na Terra. Fonte: Todo Estudo

Dessa forma, os biociclos podem ser divididos em três tipos, sendo eles:

  • Epinociclo: corresponde à parte terrestre do Planeta. Ou seja, aqui está concentrados os relevos, as florestas, savanas e todos os seres vivos que vivem no ambiente terrestre.
  • Talassociclo: representa a parte dos oceanos. Assim, corresponde ao ambiente marinho do Planeta e os animais que habitam porção.
  • Limnociclo: corresponde aos rios, riachos, córregos e lagos, além dos seres vivos que habitam esse ambiente.

Ações dos seres humanos

Os seres humanos são responsáveis por causar diversas alterações na biosfera. Isso porque, por meio de ações como queimadas, desmatamento, poluição e etc o clico natural da biosfera sofre constante agressão. Com isso, ocorre um desequilíbrio que acarreta em alterações es no clima, enchentes, desastres naturais e etc.

Por conta disso, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) criou um programa denominado “O Homem e a Biosfera”. O principal objetivo do programa é retardar os efeitos da ação humana na biosfera por meio de medidas protetivas. Assim, um dos caminhos encontrados foi a criação de Reservas da Biosfera.

Biosfera, o que é? Definição, principais características e divisões
Uma das causas de desequilíbrio ambiental é a poluição. Fonte: Info Escola

Ou seja, são áreas reservadas para o desenvolvimento de pesquisas, além de estudos voltados aos recursos que a ecosfera pode oferecer. Assim, existem no mundo cerca de 669 Reservas sendo sete delas localizadas no Brasil. As Reservas no Brasil são: Mata Atlântica, do Cinturão Verde de SP, do Cerrado, do Pantanal, da Caatinga, da Amazônia Central e da Serra do Espinhaço (MG).

Leave a Comment